Pastel de forno vegano

Sem carne, sem glúten, sem leite e sem ovos. Dá pra acreditar que mesmo assim esse pastel de forno é sucesso absoluto? Eu só acreditei depois de provar, e acho que você deveria colocar a mão na massa e fazer essa delícia de salgado sem medo de ser feliz. 005Quando a gente começa a mudar a alimentação e a questionar certos padrões acaba meio que chocado com a quantidade de regras que podem ser quebradas. Aqui em casa essa constatação começou quando tivemos que deixar o glúten de lado – por causa da intolerância do meu marido – e procurar alternativas para as receitas com as quais já estávamos acostumados.

De início, a farinha de trigo foi substituída pela de arroz, e depois vieram outras tantas que eu nunca tinha usado: farinha de amêndoas, de amaranto, quinoa em flocos, farinha de linhaça, de amendoim… e continuamos descobrindo, a cada refeição, um jeito diferente de fazer bolos, pães e massas. E até pastel de forno, olha só que legal.

No começo era tudo sem glúten, depois sem lactose, e agora estou tentando usar o mínimo de ovo. Uma surpresa boa perceber que a comida pode existir de outras formas, e que a gente não precisa ficar preso pra sempre naquele primeiro modelo que nos foi apresentado. Acho que isso é evoluir. Na cozinha e na vida.

Mas vamos à receita que já deve estar todo mundo com fome né?004Pastel de forno vegano sem glúten

Massa em 3 etapas

Parte 1: Em uma tigela misture

1 xícara e meia de polvilho doce

1 xícara de farinha de arroz integral

1 colher (sopa) de açúcar demerara

1 sachê de fermento biológico seco

2 colheres (café) de goma xantana

reserve.

Parte 2: Em uma panela média coloque

300ml de água

6 colheres (sopa) de polvilho doce

Leve ao fogo baixo e mexa sempre com uma espátula de silicone, ou colher de pau, até que comece a ferver, engrossar, e forme uma goma pesada e transparente. Desligue o fogo e reserve.

Parte 3: Prepare 2 ovos vegetais usando 2 colheres (sopa) de farinha de linhaça dourada e 4 colheres (sopa) de água. Mexa bem e deixe descansar por 10 minutos.

Faça um buraco no meio da mistura de farinhas e acrescente

1 colher (chá) de sal

4 colheres (sopa) de azeite

2 ovos vegetais

Misture com um garfo e em seguida coloque a goma reservada, ainda morna. Vá misturando com as mãos, fazendo movimento de sovar, até que toda a farinha esteja encorporada à goma. Vai se transformar em uma massa lisa, parecida com a de pão, que não gruda nas mãos. Coloque a massa em uma tigela, cubra com um pano e prepare o recheio de sua preferência.

Para o recheio eu usei proteína de soja texturizada. Deixei hidratando 2 xícaras (chá) de proteína de soja, conforme as instruções da embalagem, depois escorri bem a água. Numa panela coloquei um fio de azeite e refoguei 1 cebola picadinha e 3 dentes de alho picados. Em seguida coloquei a carne de soja e deixei refogar bem até que ficasse sequinha. Temperei com um pouco de shoyo, pimenta do reino moída e orégano. Acrescente dois tomates picados e um punhado de azeitonas fatiadas. Deixei refogar por uns minutos e depois reservei.

Montagem

Em uma superfície limpa, coloque um pouco de azeite e espalhe bem para untar. Pegue uma porção da massa (eu abri em duas vezes) e coloque mais um pouco de azeite por cima. Use um rolo de macarrão ou uma garrafa para abri-la. Vá movimentando o rolo de uma lado para o outro até que a massa esteja esticada e fina. Com um cortador, um objeto de boca redonda ou até mesmo com a faca, corte círculos do tamanho da sua mão. Pegue cada um deles, coloque o recheio no meio, e feche apertando bem as pontas para não soltar na hora de assar. Faça isso até terminar toda a massa. Eu modelei algumas no formato triangular, tipo esfiha, e outras como pasteis, achei que na forma de pastelzinho fica mais fácil fechar, dá pra apertar as pontas com um garfo pra grudar bem. Disponha em uma assadeira untada e leve ao forno pre-aquecido até que estejam douradas – cerca de 30 minutos.

001

Rende umas 25 unidades, depois de assado você pode congelar em saquinhos e reaquecer no forno quando for consumir.

Hambúrguer de quinoa

Eu testei essa receita há um tempão, logo que comecei a diminuir o consumo de carne por aqui. De lá pra cá ela virou queridinha nos meus dias mais corridos, a quinoa é rápida de preparar e esse hambúrguer acompanhado de uma saladinha já são suficientes pra me deixar feliz. quinoa burguerMas é claro que o jeito mais gostoso de servir é no meio do pão, com aquelas delicias todas que a gente costuma acrescentar no sanduíche. Nos dias mais inspirados eu faço até uma batatatinha assada, é tipo combo completo de lanchonete fast food.

Eu tenho a impressão de que essas receitas vegetarianas que “imitam” certas carnes ajudam muito quem está começando a se manter firme no propósito. É claro que não adianta dar uma mordida num lanche desses esperando o mesmo sabor de um hambúrguer de fraldinha, mas se você estiver aberto a conhecer novos sabores e texturas, eu tenho certeza de que a experiência vai ser surpreendente.quinoa burguer 2Faz aí e depois me conta 😉

Ingredientes para 6 unidades pequenas (ou 3 do tamanho normal):

meia xícara (chá) de abobrinha italiana ralada no ralo fino – na hora de medir, aperte os legumes  na xícara pra não colocar a menos

meia xícara (chá) de cenoura ralada no ralo fino

meia cebola picada bem pequenininha

1 xícara de quinoa cozida conforme as instruções da embalagem – meça a quinoa depois que estiver cozida

1 batatinha média cozida e amassada com o garfo

sal e pimenta do reino a gosto

Um pouco de azeite para fritar

Faz assim:

Misture todos os ingredientes, amassando bem com a colher, até que se tornem uma massa. Com as mãos, aperte um pouco a mistura até que tudo fique bem homogêneo e fácil de modelar. Pegue a quantidade que desejar e aperte com a mão pra formar uma bola, coloque a bola na palma de uma das mãos e vá amassando pra ficar com formato de hambúrguer. Se você preferir também pode usar um aro pra formatar. Reserve em um prato untado com azeite e deixe na geladeira até a hora de fritar. quinoa burguer 3Coloque mais ou menos um dedo de azeite na frigideira, leve ao fogo alto e deixe esquentar. Disponha os hambúrgueres com cuidado pra não desmanchar. Espere dourar bem por baixo pra então virar do outro lado. Deixe mais alguns minutos e monte o sanduíche usando os ingredientes que você mais gosta. Bom apetite!